Nestas duas semanas muitas coisas aconteceram no mundo da tecnologia. Tivemos mais um evento de lançamento de novos produtos da Apple, poucas semanas após o lançamento do iPhone 5. Agora para apresentar a nova linha de computadores Apple (como MacBook e iMac) e o tão comentado iPad mini. Vale lembrar que segundo consta, Steve Jobs sempre foi radicalmente contra um iPad de tamanho menor ao tradicional 10 polegadas. Pessoalmente acho interessantíssimo este lançamento, pois proporciona um maior leque de opções aos consumidores, claro sempre mantando o padrão de qualidade Apple, ponto máximo de seus produtos.

Esse aliás foi meu ponto de escolha para devolver meu tablet Motorola Xoom com Android e comprar um iPad. Pois é, eu juro que tentei usar o Android. Mas sinceramente não me pareceu intuitivo, era muito confuso. Sem falar que a versão do Android da época era a 3.1, ainda muito instável. Um dos pontos que justifica essa minha análise, por exemplo, foi que justamente comprei este tablet por ele aceitar a entrada de cartões de memória (além da memória interna do aparelho) o que era exatamente o que estava procurando, pois minha idéia era carregar no tablet as fotos tomadas com minha câmera  Qual não foi minha surpresa ao descobrir que mesmo o hardware tendo o suporte ao cartão de memória, o sistema operacional android não suportava!

Reclamações a parte, além do evento da Apple também tivemos na última semana o movimento do gigante adormecido. Chegou o tão esperado Windows 8 e com ele o Surface, primeira tentativa da história da Microsoft de desenvolvimento de seu próprio hardware. Ok, sabemos que a microsoft fabrica mouse, teclado e alguns outros periféricos. Aliás, foram alguns dos melhores mouses que já tive. Porém a mesmo nunca entrou no mercado de produção de PC´s, sempre tendo esta responsabilidade nas mãos de seus diversos parceiros. Ainda não tive a oportunidade de conhecê-lo, mas segundo alguns comentários aparentemente a Microsoft está no caminho certo.

Steve Jobs e Bill Gates

Me chamou muito a atenção a capa do caderno link de hoje do jornal O Estado de São Paulo onde falam justamente do atual momento destas duas empresas históricas, mais de 30 anos depois de serem fundadas. Com a morte de Jobs e a aposentadoria de Gates, ambas empresas tratam de seguir líderes num segmento cada vez mais competitivo (os coreanos estão chegando) e pelo menos por enquanto sinalizam ainda ter muita lenha para queimar.

Na reportagem foi citado o tão comentado encontro entre Steve Jobs e Bill Gates em 2007 na cidade de Carlsbad na Califórnia na conferência D5. Eles foram convidados para um debate onde se esperavam muitos ataques entre estes dois “concorrentes”, mas na verdade o que houve foi uma divertidíssima e histórica conversa entre dois velhos amigos universitários que criaram do nada uma nova indústria bilionária: a indústria da computação pessoal.

Deixo aqui alguns vídeos do YouTube onde podem rever a conversa entre estes homens históricos:

E para quem quer conhecer ainda um pouco mais sobre o mundo de Jobs, segue também um outro vídeo muito interessante. Trata-se da entrevista do escritor Walter Isaacson pelo programa da Tv Cultura, o Roda Viva em março deste ano. Walter Isaacson é o autor da biografia autorizada de Steve Jobs e esteve ao lado do líder da Apple nos seus últimos anos de vida.

Espero que tenham curtido o post. Um grande abraço a todos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s